Boa ação
01/05/2015 08:53 (atualizado em 01/05/2015 08:54)

Conheça o médico que aceita lixo como pagamento por suas consultas

Na Indonésia, o médico Gamal Albinsaid, de 26 anos, buscava uma solução para oferecer tratamento básico de saúde a pessoas que não tinham dinheiro para bancar um seguro de saúde. “Você tem pessoas que não podem ir ao hospital porque não têm dinheiro. Então eu comecei a pensar, se você não tem dinheiro, o que você tem?” E a resposta, em um país onde a coleta de lixo mal chega à metade dos resíduos produzidos, foi bastante óbvia: lixo.
Albinsaid criou o Garbage Clinical Insurance (GCI), projeto que permite aos pacientes pagar um seguro de saúde com lixo reciclável. Cerca de 2 kg de plástico podem ser revendidos para centros de reciclagem por cerca de 10 mil rúpias, o equivalente a pouco mais de 1 dólar. Com isso, o programa consegue bancar consultas médicas por um mês para um paciente.
A solução, que já funciona há dois anos e já foi adotada em 5 clínicas, ajuda a resolver dois problemas de uma só vez, dando atendimento de qualidade aos pacientes e dando um destino apropriado a parte do lixo acumulado nas cidades da Indonésia. 
“Nós acreditamos que a saúde é um direito fundamental. A abordagem pouco ortodoxa da empresa também está ajudando a resolver um desafio ambiental do país, que é o segundo maior causador do lixo plástico em oceanos, logo depois da China“, afirmou o idealizador do projeto à FastCo.

Um exemplo que vale a pena seguir de perto:

garbage-clinical-insurance
garbage-clinical-insurance2
garbage-clinical-insurance3
garbage-clinical-insurance5
garbage-clinical-insurance6
garbage-clinical-insurance7
garbage-clinical-insurance8
garbage-clinical-insurance9
garbage-clinical-insurance10

Galeria de fotos

Fonte: Hypeness

Leia também...