Geral
10/11/2017 10:05 (atualizado em 31/12/1969 21:00)

Mercado para a madeira é avaliado durante encontro em Riqueza O evento contou com a parceria Administração Municipal de Riqueza e Sebrae com a intenção de encontrar estratégias de melhorias de mercado as madeireiras

Riqueza 

A Administração Municipal de Riqueza desenvolveu a segunda etapa de trabalho com as madeireirasdo programa Desenvolvimento Econômico Territorial (DET). O evento contou com a parceria do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) com a intenção de encontrar estratégias de melhorias de mercado as madeireiras. 
O encontro aconteceu na segunda-feira, dia 30 de outubro, no auditório da Câmara Municipal de Vereadores de Riqueza. Na oportunidade, foi realizada uma roda de conversa entre os madeireiros instalados no município e o consultor Ernesto Augusto Garbe da empresa de Consultoria Garbe, de São Bento do Sul, contratado pelo Sebrae para trabalhar o nicho de mercado no segmento da madeira. 
Durante o encontro o consultor destacou a crise que influência no resultado financeiro, mas segundo ele o maior problema é o valor pago por metro cubico aos madeireiros. “Existe um potencial bastante grande e precisa ser avaliado minunciosamente, sendo este um processo um pouco lento, mas é possível por meio de estratégias pontuais melhorar o valor agregado a madeira”, declarou ele.
O prefeito, Renaldo Mueller, reconheceu a necessidade de melhorar o mercado aos madeireiros. “Temos potencial e qualidade no produto e desta forma temos vantagem competitiva. Com valores melhores toda a cadeia produtiva ganhará e assim consequentemente melhorará a arrecadação do município”, reconheceu.




Galeria de fotos

Leia também...